Google+ Followers

sábado, 12 de abril de 2014

ABC (pois um título óbvio é o melhor que eu posso oferecer (no momento))

a) Infelizmente, não podemos mudar o passado ou remediar as palavras já ditas...
Podemos, apenas, pedir desculpas ou fazer um gesto gentil em nome da nossa honra em jogo...
Entretanto, as feridas por nós causadas permanecerão nos corações daqueles que foram ofendidos (com ou sem motivo) e podemos (sem qualquer pretensão) romper sonhos e, literalmente, arruinar as pretensões do outro.

b) Sonhos são tão frágeis quanto o mais fino copo de cristal, basta apenas uma batida para que sejam abalados... e o caminho da reconstrução é árduo e exige companheiros fiéis para ajudá-los a se reerguerem.

c) Sem qualquer suposta pretensão pessoas reaparecem e procuram nossa "antiga" amizade ou qualquer coisa assim, mas sem se darem conta de que já é tardio; de que as relações não são mais as mesmas; que a "fagulha" não existe mais e no lugar dela só restou a indiferença, que foi o que lhes coube.

Acreditar em si mesmo é a parte mais difícil.

2 comentários:

  1. Comumente não nos damos conta de que, tanto quanto o futuro, também o passado se constrói no agora, na medida em que este àquele já logo a seguir integrará.
    GK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente... não havia me dado conta disso. Muito bom quando alguém nos oferece uma opinião e nos dá uma nova perspectiva do mesmo assunto.

      Excluir

Caixa de Textos